terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Smile Box

No começo do ano publiquei no Facebook a foto e a ideia (vista no tumblr) da Caixa de Sorrisos.

A ideia é bem simples: cada evento que ocorresse durante o ano, eu escreveria num papel e depositaria na caixa. E durante este ano, apesar de ter deixado pra escrever depois e esquecido; ter esquecido mesmo; ter perdido o caderno pra escrever, e depois ao reencontrar, nao lembrar de escrever algumas coisas; enfim, no total deu 94 anotações. Foram muito mais motivos de sorriso que tive durante o ano, é claro, mas que coloquei ali foram estes.

Agradeço a Deus por ter permitido que tanta coisa boa tenha acontecido comigo este ano, e agradeço a todos que me desejaram 'Feliz Ano Novo, Marcelo' ano passado. Realmente o desejo de vocês todos deu certo. Hehehe.

Um forte abraço a todos, e que 2014 seja bem feliz pra todo mundo!

=D

(Ps: nem preciso dizer de quem é o nome mais repetido na caixa, né? Hehehehe... Te amo, Rafaela Estradiote!!)
A caixa e os papéis.

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

DVDs

Feliz Nataaaaal! Não exatamente desejando atrasado pra todos, mas dizendo como foi pra mim. =D

Este Natal foi muito feliz! Primeiro porque estive ao lado da minha noiva (e sua família) na Missa da Noite de Natal na Paróquia Nossa Senhora de Guadalupe. Foi uma linda Missa (como sempre) e sou muito feliz pelo nascimento do Menino Deus em nosso meio.

Segundo porque ganhei um presente MÍTICO!!! Depois de muito tempo ouvindo e pensando que presente maravilhoso ela teria me comprado, já que estava muito (muito MESMO) ansiosa pra me entregar. E... bom, foi mesmo surpreendente. Quando abri a caixa, eu não acreditava no que estava vendo. Três caixas. Ou melhor: três box: (Ou seriam ‘boxes’?) A versão estendida da trilogia Senhor dos Anéis, e as duas primeiras temporadas de Game of Thrones. Lindas caixas, lindos DVDs, e lindas artes em tudo. E claro, lindos cartões que ela escreveu.

Quando abri, eu não acreditei. Fiquei boquiaberto, mudo e estático. A Rafa pensou que eu teria um piripaque no melhor ‘Chaves Style’. Faltou pouco, mas não cheguei lá. Hehehehe. Ainda não consigo acreditar, mas é real. Obrigado mesmo, meu amor.

E o dela? Bom, eu dei o DVD da minissérie Capitu, baseado em Dom Casmurro. E também uma xícara grande/caneca de sopa da Cacau Show. Ela amou os presentes. E eu também.

Terceiro, é que eu estive ao lado da minha noiva o dia todo, o que fez deste Natal mais especial ainda, já que estava tão feliz. Ah! E não é porque os DVDs são originais que eu gostei mais do presente. Eu disse que poderiam ter sido até mesmo piratas ou baixados da internet (o que são dois crimes, mas quem nunca fez nenhum destes dois que delete os arquivos agora mesmo!) que eu teria tido a mesma reação.

E quarto: tive a alegria de ver meu grande amigo Vagner em casa e, mesmo que por pouco tempo, pudemos rir de novo como aconteceu algumas semanas antes, onde rimos muito mesmo. (Tá certo que muita coisa ele e a Rafa riram da minha cara por conta de histórias passadas, mas tudo bem. E eu ri de mim também porque são coisas muito engraçadas! (Algumas contatadas no blog.))

E logo chegará o ano de 2014, e alguns planos e programações já estão traçados e em andamento. Afinal, porque esperar o ano começar pra fazer o que deve ser feito? Nada impede que comecemos a fazer agora mesmo o que precisa ser feito (ou finalizado).

Um forte abraço a todos!

Momento Ostentação: 22 DVDs que não emprestarei pra ninguém. Sorry.

domingo, 22 de dezembro de 2013

Betrothal!

Sim, meus caros amigos! Eu voltei a postar! Às vésperas do Ano Novo, a segunda postagem do ano de 2013! Hahahahaha.

Bom, apesar de não ter noticiado praticamente NADA este ano, trago uma notícia da qual jamais se ouviu falar neste blog:

EU ESTOU NOIVO!!

Siiiim, meu povo! Estou NOI-VO!

Conseguem ver meu contentamento e felicidade do outro lado da tela? =D

Infelizmente, nunca falei dela aqui no blog (o que a deixou ‘bolada’), mas quando falo a primeira vez, falo PRA VALER! Seu nome? Rafaela!

Bom, nós nos conhecemos na Paróquia São Francisco de Assis, mas ela NUNCA participou do grupo de jovens. Incrível que muitos perguntam se eu a conheci lá e tal, mas não foi. Nem sei como ou quando trocamos nossos MSNs, mas um dia ela me pediu emprestado um cd com o instalador do Corel Draw X4. Emprestei (e nunca foi devolvido, na verdade) e depois disso nossa amizade cresceu e tomou forma. E depois de muuuuuito conversar, resolvemos namorar. Só que como vocês me conhecem, acabou que não durou muito tempo, infelizmente.

SÓ QUE o que é nosso, não é de outra pessoa, nem vai embora. Depois de ter terminado com ela (BURRO, BURRO, BURRO!) eu percebi que realmente gostava dela. Que a amava, na verdade. E resolvi tentar reconquistar seu coração. Porém, o que fiz foi doloroso demais para ela, não duvido, e ela não queria me ver nem pintado de ouro (É curioso que eu sempre quis saber qual era a sensação de ter alguém me detestando a tal ponto, e agora eu sei. E é doloroso! Nunca queiram sentir isso! Sério!). Mas como não era apenas o que Deus tinha preparado para mim, mas para ela também, depois de quatro meses, começamos a conversar. (Não vou entrar em detalhes de como ou quando!) Foi realmente uma surpresa pra mim estarmos conversando numa boa, mesmo depois de ela ter me mandado ‘voltar pra minha vidinha’, mas tudo bem. E depois de muuuuuuito conversar novamente, nós voltamos a namorar.

E pra voltar, eu tinha que ter a certeza de que queria mesmo estar ao lado dela. E eu desejava isso do fundo do meu coração. Voltamos. E que alegria! Nunca pensei que pudesse estar tão feliz ao lado de alguém como sou ao lado dela!

E uma semana antes de completarmos oito meses de namoro, no aniversário dela, eu a pedi em CA-SA-MEN-TO! \o/ No dia anterior, falei com o pai dela. Foi de boa e tal. EU estava um pouco nervoso e ansioso, claro, mas ELA... Muito ansiosa, muito nervosa, e não me deixava falar! Rindo e comentando as coisas, dificultava a conversa com o pai dela. (Que, vejam só, nos conhecíamos dos trabalhos na Paróquia São Francisco. NUNCA na minha vida eu pensei que pudesse me CASAR com a filha dele!) Ele aceitou e nos abençoou, assim como a mãe.

Eu tenho um bom relacionamento com os dois. Não sou de conversar muito e tal, mas é muito bom e agradável estar ao lado deles. Embora eu saiba que de certa forma, eu sempre tenha que mostrar que estou mesmo disposto a estar ao lado da filha deles, visto que ela sofreu muito com o fim do relacionamento. Mas agora, creio eu, que ela está mais feliz do que o quanto sofreu. E eu sei que não foi pouco.

Para o pedido, me inspirei na música ‘All Star’ do Nando Reis. Coloquei o DVD pra tocar na faixa da música, e de joelho, li uma carta para ela, onde encerrava com a pergunta: ‘QUER SE CASAR COMIGO?’ Foi um momento muito bonito. Estávamos apenas os dois, mas foi belíssimo. Como foi a entrega das alianças? Bom, a foto que ilustra o fim desta postagem, é a forma que utilizei. =D

Agora, ansiosos, esperamos o momento de subir no altar para dizer o SIM diante de Deus e dos familiares e amigos. Que Deus nos abençoe!

Rafaela... Rafa... MEU AMOR! EU TE AMO MUITO!!!

‘Seu All Star azul combina com o meu, preto, de cano alto’